StartupO que é e como funciona uma aceleradora de startup?

julho 15, 20210

A aceleradora de startup ajuda empreendimentos inovadores e com forte potencial de crescimento a dar os primeiros passos de maneira mais otimizada e eficiente. Como montar uma empresa própria é um sonho do brasileiro, porém, não é uma tarefa fácil, essa é uma excelente forma de colocar em prática o seu projeto.

Neste post, explicaremos o que é uma aceleradora de startup, como ela funciona e quais as vantagens desse modelo de negócios. Não deixe de conferir!

O que é uma aceleradora de startup?

Uma aceleradora de startup é uma organização que ajuda outras empresas com potencial inovador, como as startups, a se desenvolver nos momentos iniciais do negócio, quando não existe capital suficiente para o bom desenvolvimento do projeto. Portanto, as aceleradoras oferecem o apoio que o empreendedor necessita para dar os primeiros passos.

Esses negócios atuam com empresas e projetos que têm alto potencial de crescimento e que costumam apresentar soluções inovadoras para o mercado. Além de ideias transformadoras, essas startups devem ter a capacidade de crescimento acelerado e um grande potencial de escalabilidade.

Quais os tipos de apoio que uma aceleradora pode oferecer?

São muitas as maneiras de uma aceleradora participar do crescimento de uma startup. Tudo depende do grau de maturidade e em qual estágio ela se encontra. As aceleradoras costumam contar com uma equipe de especialistas em diversas áreas, que podem oferecer mentorias especializadas para desenvolver o negócio.

Esse time qualificado de mentores costuma ser constituído por empreendedores que já conquistaram posições de sucesso com seus próprios negócios, e por profissionais de grande nome no mercado. As aceleradoras também apoiam projetos inovadores oferecendo espaços físicos, ajudando a economizar dinheiro e criando oportunidades de networking com outras startups.

Elas oferecem, também, possibilidade de relacionamento com grandes players do mercado e empresas que já estão consolidas no ambiente empresarial. Esses negócios costumam facilitar muito o acesso a uma potente carteira de clientes, oportunizando a prospecção de contas fartas para as startups.

Quando falamos de empresas que atuam como B2B, essa cartela de clientes pode gerar retornos financeiros significativos para o negócio. Um dos apoios mais procurados pelas startups é o aporte financeiro. Esse investimento costuma ser o suficiente para que o novo negócio se mantenha até que os retornos financeiros sejam suficientes para garantir a saúde do empreendimento.

Os valores não são definidos previamente. Eles variam de acordo com a área de atuação do negócio e a sua capacidade de crescimento.

Como funciona uma aceleradora de startup?

As aceleradoras apresentam diferentes critérios e fatores de seleção. Normalmente, realizam chamadas públicas e editais para divulgar como será feito o processo de avaliação, os critérios para a inscrição e os requisitos que as startups devem cumprir para participar da aceleração.

De maneira geral, todo o processo é bastante simples. A aceleradora apresenta os critérios mencionados acima, a startup se inscreve e, caso cumpra as determinações e seja escolhida, receberá o apoio necessário para o seu crescimento. O empreendimento inovador que for escolhido para o programa vai receber diferentes tipos de apoios, que dependem do grau de maturidade e do estágio em que se encontra o projeto.

Esse aporte financeiro acontece, na maioria dos casos, depois que o negócio já foi validado e se constatou sua relevância no mercado. O investimento realizado na startup é revertido em equity, que pode variar de 3% a 15%.

Quais as vantagens da aceleradora de startup?

Existem diversos benefícios que um negócio inovador pode receber ao ser contemplado por um programa de aceleração. Mentorias, networking, aporte financeiro e espaço físico são alguns das vantagens. Veja, a seguir, um pouco mais sobre esse assunto.

Mentorias

As equipes de mentorias são constituídas por profissionais com vasta experiência em grandes empresas e por empreendedores que fundaram e obtiveram sucesso com suas próprias startups. Com conhecimentos diversos, os mentores guiam e passam conhecimentos em áreas como gestão, processos, vendas e relacionamento com investidores.

Interação com outras startups

As aceleradoras criam um ambiente de colaboração entre as startups, possibilitando que um novo empreendimento se conecte com outros negócios inovadores e crie uma rede de relação produtiva para todos os envolvidos.

Networking

As aceleradoras conectam as startups com grandes empresas, tornando possível a captação de um grande cliente e uma conta farta para empresas B2B. Além disso, a possibilidade de entrar em contato com investidores é muito maior.

Quais as desvantagens das aceleradoras?

Por mais que muitos novos negócios busquem apoio para dar início ou continuidade aos seus projetos, as aceleradoras nem sempre são o caminho ideal para um empreendimento que precisa de incentivos para fazer o negócio decolar. Veja algumas das desvantagens de contar com um programa de aceleração.

Programa limitado

Os programas de aceleração funcionam por um período determinado, que pode ser de três a oito meses. Algumas vezes, a startup ainda pode estar precisando de um suporte, e terá que trilhar o caminho por conta própria.

Nem sempre é a opção ideal

Esse modelo de investimento é recomendado para negócios que estejam em um estágio inicial ou early-stage, e com capacidade de gestão limitada. Costumam ser empreendimentos que ainda necessitam de amadurecimento.

Qual a diferença entre aceleradora e incubadora?

Apesar de funcionarem de maneira semelhante, já que ambas buscam estimular o crescimento de negócios inovadores e que estejam em um estágio inicial das suas operações, existem diferenças entre as aceleradoras e as incubadoras.

Aceleradoras

  • Não existe restrição quanto à área de atuação da startup, contanto que sejam escalonáveis;
  • são geridas por empreendedores e investidores experientes;
  • é organizada por meio de mentorias e oferece conexões e treinamentos.

Incubadoras

  • Oferecem um processo de consultoria, em vez de mentoria;
  • são ligadas a instituições públicas, como universidades e empresas do trade;
  • trabalham com empresas de nichos específicos.

As aceleradoras de startups são alternativas extremamente eficientes de negócios inovadores e com forte potencial de crescimento para dar os primeiros passo e otimizar os seus processos para alcançar o sucesso. É preciso entender como funciona e quais benefícios serão gerados para os novos negócios. Mentorias, treinamentos, networking, rede de clientes e aporte financeiro são algumas das maneiras de se beneficiar com um programa de aceleração.

Se você gostou deste artigo, e deseja acessar mais conteúdos como este, basta seguir nossa página do Facebook e se manter sempre atualizado.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

https://xpta.com.br/wp-content/uploads/2021/07/logo.white_.footer.w245x40px.png
Rua Geraldo Flausino Gomes, 42, conjunto 62, São Paulo
11 2165 6970

Follow us:

ENTRE EM CONTATO

A XPTA é uma consultoria brasileira, parceira Microsoft, especializada na implementação de soluções de gestão empresarial.

Copyright © XPTA Consultoria 2021